Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marca d'Água

Marca d'Água

04
Abr24

Pormenores da "velha", na Estrela maior

Na mais alta de Portugal, olhando o horizonte


Pormenores Serra da Estrela.jpg

Ao subirmos a serra de carro, nas curvas e contracurvas das terras do Mondego, despontam caprichos da natureza como este, que ganham formas curiosas, para turista ver e tirar retratos digitais!

E nós, olhado a rocha, logo comparámos com silhuetas humanas, neste caso, diz-se por lá, a “cara de uma velha”, olhando o horizonte…

17
Jan24

Uma passagem, para outra margem

Passadiços do Mondego


Passadiços do Mondego.jpg

Na outra margem mora a incerteza.

Atravessar o passadiço para virar costas a tantas coisas que nos consomem é a vontade que se sente, ante o cansaço por tantas circunstâncias, de seres menores, que parecem só existir, por trás do penedo, para tornar mais íngreme a caminhada dos que ousam subir a colina, de costas direitas!

11
Jan24

Desafiando os queixumes da serrania.

O fado dita estas coisas que tentam deter as almas


serra da Estrela.jpg

No alto da serra, da Estrela talvez, vê-se mais longe, sente-se mais alto, cheira-se mais intensamente, ouve-se mais grave, apesar da neblina, sobre a rocha glaciar outrora, hoje miradouro dos sonhadores ou precipício dos prostrados.

Que experiência esta, olhar em redor, em câmara lenta, como nos filmes, com ar rarefeito, mas de peito cheio para a vida, desafiando os queixumes da serrania.

Ventando forte na Torre, porque o fado dita estas coisas que tentam deter as almas.

Mas são essas, hirtas, que vencem, porque acreditar é ímpeto maior nestes carreiros que sobem a montanha da vida, rumo à canção de sermos nós, sempre, uma balada!

13
Nov23

Caminhos assim!

Na Rota das Faias… de folhagens mágicas!


Paisagem bosque outono Serra da Estrela copiar.jpg

Há sítios mágicos, como este, na Rota das Faias, em Manteigas, na Serra da Estrela.

Sítios onde nos sentimos em casa, um lar ancestral, tão belo quanto esta alameda, de folhagens mágicas,  de tons tão quentes, com raios de sol entre chuviscos que brotam abençoados das nuvens de São Martinho na serra, de ares tão cristalinos que, inspirando profundamente, nos enriquecem o espírito e nos fazem crer que, naquelas paisagens, de peito cheio de paz, somos privilegiados por estarmos ali, por um bocadinho fazermos parte desse universo maior, saboreando-o.

Placa Rota das Faias Serra da Estrela Manteigas co

Foi assim, há dias, e foi tão bom caminhar por trilhos, no sobe e desce da Estrela, ora à chuva, ora ao sol, com as partidas do outono, com o Zêzere, bebé ainda, sempre por ali tão perto, barulhento e fresco para nos molhar as botas, quando saltitamos entre as pedras do trilho ou passamos por pomares de macieiras, de castanheiros, de medronheiros, de nogueiras, de oliveiras e arbustos de azevinho à beira da aldeia, sem pressas, porque o tempo por ali sabe esperar pela fotografia certa

outono serra da estrela paisagem copiar.jpg

Obrigado, tempo!

 

 

12
Nov23

Caminhos assim!

Serra da Estrela :)


Serra da Estrela rota das Faias Manteiras 2023.jpg

Portugal surpreende-nos!

Neste cantinho cabem tantos tesouros que nos recebem de braços abertos, como esta paisagem de “cortar a respiração”!

Esses sítios mágicos só nos pedem, em silêncio, pelo vento que passa, que os respeitemos, porque são tesouros, eu sei, que urge guardar a sete chaves!

Eu adoro adorá-los e senti-los, sentindo num olhar profundo que resgata torrentes de sensações!

Mais sobre mim

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2007
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2006
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D