Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

Olhos desabrocham em lágrimas de coração

Milhões de pontos cintilantes, da cor da alma

05.04.22 | Armindo Mendes | comentar
Degustado, sem pressas, o arroz de favas, passeado o jardim palaciano de japoneiras e laranjeiras, a velha estrada 108 apresentou-se, como outrora, com curvas e contracurvas, sob um brilho de Primavera, imitando os caprichos do Douro verde, de (...)