Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

25.07.17

‘Game of Thrones’, um mundo tão cheio de devaneios, de utopias, de fantasias de um Universo que não existe, mas que tem tanto em comum com a selva urbana

Armindo Mendes

Sigo quase “religiosamente” - desculpem-me o exagero da expressão - a série ‘Game of Thrones’ há vários anos. Ao longos das várias temporadas, aprecio tantos pormenores na série, como a extraordinária fotografia, a realização feita minúcia, o entrelaçado da história e a qualidade dos atores, mas a música, a banda sonora, é um dos que mais me delicia!

Esta versão alongada do tema principal é extraordinária! É uma delícia ouvi-lo, ouvi-lo e ouvi-lo, ao mesmo tempo que somos levados, sem esforço, na nossa imaginação, para a atmosfera, o ambiente e o enredo da série… tão cheio de devaneios, de utopias, sob a forma de “Guerra dos Tronos”, de fantasias de um mundo que objetivamente não existe, mas que tem tanto em comum com o real, aquele em que, de facto, como os valentes da trama televisiva, sobrevivemos todos num jogo que aceitamos jogar sob regras que não controlamos!

Se não conhecem esta versão, sugiro que o ouçam. Vão ver que é uma maravilha e deixem-se ser heróis nem que seja a fazer de conta!