Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

Marca d'Água

Apenas um olhar de Armindo Pereira Mendes

03.11.21

caminho de sentido trocou...

Armindo Mendes

flor jardim.jpg

A vida faz-se caminhando, diz-se por aí…

E que caminhos são esses nos acasos tão tortuosos?

São rumos dúbios, súbitos, para onde parti…

Ilusões, suposições, quiçá delírios, passos fragosos.

 

Largar zona de conforto e atentar no desconhecido…

À espera de encontrar, no desencontro, não sei o quê.

Momentos, no vácuo, fecha-se a porta, abre-se ao aparecido

E sentir-se lá seguro na tibieza de perguntar o porquê?

 

O caminho é entroncamento de intuições a perder de vista.

Mas uns querem percorrer a tamanha leva de se ter.

Vão fruindo o ápice, sem saber, a conquista…

E logo, ventura nas mãos, olhar atrás, deter, sofrer!

 

Ver que a leva, os rumos dúbios, angústia trouxeram…

Assumir padecimento para outrem que ficou.

Algum egoísmo foi aquele que lágrimas fizeram…

Agora, amálgama de remissões, caminho de sentido trocou...

 

Armindo Mendes

Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.